Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vamos atirar uma bomba ao destino

Não somos de nos contentar com o que o destino reserva para nós. Sonhamos alto e frequentemente caminhamos fora da estrada.

...

Morrem pessoas todos os dias.

Alguém morre neste momento.

Mas parece que só nos lembramos da morte quando há famosos ou mortes em massa.

Há tragédias que nos tocam mais que outras. Aquelas que, quer pela situação, quer pelo nosso estado de espírito nos afetam mais profundamente.

A sua vitória foi a sua perdição. Se aquele último jogo não tivesse sido vencido, a tristeza que vivem agora não seria tão profunda e possivelmente as lágrimas dos adeptos e familiares não teriam tanto significado.

Ás vezes as nossas derrotas são, na verdade, vitórias.

1 comentário

Comentar post