Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vamos atirar uma bomba ao destino

Não somos de nos contentar com o que o destino reserva para nós. Sonhamos alto e frequentemente caminhamos fora da estrada.

O que vai ser hoje? - 10 curiosidades sobre mim aromatizadas com comida.

bitmoji-20170729033726.png

  1. Não sou fã de coca-cola tem demasiado gás, eu sei que eles agora oferecem viagens e tal, mas esqueçam, não vale a pena. Prefiro ice-tea, sumo natural ou água.
  2. Quando há um aniversário ou uma saída costumo pedir sempre o mesmo, principalmente se não conheço o restaurante. Sou uma rapariga de velhos hábitos.
  3. No final da refeição se tiveres necessidade de arrotar ou seja lá o que for, por favor, nem precisas de cerimónia para te levantares, simplesmente não o faças ao pé de mim e seremos amigos para sempre.
  4. Amo chocolate. Só não me caso com uma tablete de chocolate porque iria passar a minha vida toda com medo que derretesse ou então que alguém a comesse. Já imaginaram o que seria a minha vida? Por isso é que ainda estou solteira!
  5. Como à velocidade da luz e faz-me confusão quem come à velocidade de um caracol. Eu sou anatomicamente diferente dos outros, o meu estomago adaptou-se e desenvolveu uns dentes extremamente fortes (Lamarckismo – Lei do uso ou desuso); na boca quase não preciso de mastigar. É sério, sou um ser único, é impressionante…
  6. Ora não se pode ter tudo e uma pessoa com a idade cansasse. Por norma (99% das vezes, pouca coisa), quando termino a minha refeição, vejo-me obrigada a sentar ou a deitar porque fico muito indisposta, não sei se é culpa da comida ou dos dentes do estômago.
  7. Adoro comer o que os outros cozinham, muito mais do que o que eu cozinho. É compreensível, é muito melhor e dá mais larica ver os outros trabalhar do que nós próprios a fazê-lo. Concordam comigo certamente!
  8. Se algum dia me encontrarem na rua procurem uma pessoa de estatura média-alta com uns “quilotes” a mais, isto porque o meu espelho reflete 50kg, mas eu não acredito nele. Nenhum português deve acreditar! Como acreditar? Se é feijoada, é cozido à portuguesa, é rancho, é marisco, é leitão,…É um grandessíssimo mentiroso. A malvada da rainha devia era ter partido o espelho e não ter envenenado a pobre da Branca de Neve.
  9. Depois de tanta comida tradicional, não há espaço para a internacional, principalmente se for aquela de plástico e agora a nova, a crua. Nah, não há nada como a comidinha das avós.
  10. Estão a imaginar o barulho e o entusiasmo de um castor a roer um tronco, assim sou eu a comer pipocas e batatas fritas e sempre que a minha maninha tenta ser espertalhona e roubar-me, as coisas cá em casa complicam-se…

 

A conta por favor.

Ainda bem que não gosto de café, caso contrário tinha de ficar a lavar pratos. Xiça!  

 

 

 

Atenção: usem os dentes da boca porque as consequências de usar os do estômago são ingratas e severas. Tenham juízo. Façam o que eu digo e não o que eu faço!

bitmoji-20170729061748.png

 

 

8 comentários

Comentar post